São Paulo autoriza venda de bebidas alcoólicas até 22 horas a partir desta segunda

No estado, somente duas regiões mudaram de fase do ‘Plano SP’: Presidente Prudente e Barretos foram rebaixadas à zona vermelha

Fonte: Revista Fórum

Apesar do número elevado de casos e mortes por Covid-19, o governo do estado flexibilizou o horário para venda de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes das regiões que estão na fase amarela do “Plano São Paulo”, incluindo a capital paulista.

Esses estabelecimentos poderão comercializar bebidas até 22 horas, a partir desta segunda-feira (22). Antes, eram obrigados a paralisar a venda às 20 horas.

Apesar do número elevado de casos e mortes por Covid-19, o governo do estado flexibilizou o horário para venda de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes das regiões que estão na fase amarela do “Plano São Paulo”, incluindo a capital paulista.

Esses estabelecimentos poderão comercializar bebidas até 22 horas, a partir desta segunda-feira (22). Antes, eram obrigados a paralisar a venda às 20 horas.

No estado de São Paulo, somente duas regiões mudaram de fase do plano: Presidente Prudente e Barretos foram rebaixadas à zona vermelha. 

Colapso

As cidades reclassificadas para a fase vermelha se juntam às que já estão em estado de alerta, pelo risco que correm de colapso do sistema de saúde pública.

A ocupação os leitos de UTI estão próximos da capacidade máxima nas cidades de Araraquara (84,7%), Barretos (82,2%), Bauru (93,2%) e Presidente Prudente (84,3%).

Com informações da CNN Brasil