Economista da Nigéria será a primeira mulher a comandar a OMC

Okonjo-Iwela também já foi ministra das Finanças em seu país e já coordenou o setor de operações do Banco Mundial

Fonte: Revista Fórum

A Organização Mundial do Comércio (OMC) confirmou, nesta segunda-feira (15), que a economista nigeriana Ngozi Okonjo-Iwela é a nova diretora da instituição

Em sua primeira declaração, Okonjo-Iwela disse que está ansiosa para assumir a OMC e pensar respostas para a crise econômica causada pela pandemia do coronavírus.

“Uma OMC forte é vital se quisermos nos recuperar completa e rapidamente da devastação causada pela pandemia da Covid-19. Estou ansiosa para trabalhar com os membros para moldar e implementar as respostas políticas que precisamos para fazer a economia global funcionar novamente”, disse a dirigente.

A nova diretora da OMC é economista especializada em finanças globais e já foi diretora de operações do Banco Mundial, cargo que ocupou por 25 anos. Além disso, Okonjo-Iwela foi a primeira mulher a comandar o ministério das Finanças da Nigéria. Foram dois mandatos como ministra: 2003/2006 e 2011/2015.