Cuba garantirá distribuição gratuita de vacina contra a Covid a países latino-americanos interessados

Governo socialista se associou com a Organização Pan-Americana de Saúde, que comprará dezenas de milhares de doses da vacina Soberana 01, desenvolvida por cientistas cubanos para prevenir contra o novo coronavírus

Fonte: Revista Fórum

O governo de Cuba fez um acordo nesta quarta-feira (9) com a OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde) para que a vacina Soberana 01, que está sendo desenvolvida por cientistas cubanos, seja distribuída gratuitamente a todos os países latino-americanos que a solicitem.

Pelo acordo, a OPAS compraria dezenas de milhares de doses da Soberana 01, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Finlay de Vacinas, e que tem previsão de estar pronta no primeiro trimestre de 2021.

A OPAS irá garantir a distribuição através de mecanismos de cooperação regional, que pretendem priorizar países como as Guianas e outras nações caribenhas, cujas maiores dificuldades econômicas tornam mais difícil poder ter acesso a outras vacinas que podem estar disponíveis antes disso.

O desenvolvimento da vacina Soberana 01 já está na segunda fase de testes clínicos, iniciados justamente nesta primeira semana de setembro, e que reunirá cerca de 600 voluntários com idades entre 16 e 80 anos.

A primeira fase de testes foi realizada com a mesma quantidade de voluntários, e teve sucesso absoluto: todos demonstraram boa reação, imunidade comprovada e apenas algumas pessoas se queixaram de uma dor leve no local da injeção, efeito colateral comum para todas as vacinas.