Agronegócio pode ter infectado até 400 mil trabalhadores no Brasil com coronavírus

Levantamento estima que de 25% a 50% dos funcionários do setor em todo o país tenham se infectado nas fábricas

Fonte: Revista Fórum

Levantamento realizado pela Confederação Brasileira Democrática dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação (Contac) estima que o setor do agronegócio tenha de 25% a 50% de seus funcionários infectados com Covid-19. O setor emprega cerca de 800 mil pessoas em todo o Brasil.

Com isso, estima-se que até 400 mil trabalhadores tenham se contaminado com a doença por conta da rotina nas fábricas. A Contac estima pelo menos 200 mil afetados.

De acordo com reportagem de Mariana Franco Ramos, do De Olho nos Ruralistas, o Ministério Público do Trabalho (MPT) tem 213 investigações em aberto para apurar denúncias nas empresas do setor.

“Há lugares onde foi feita testagem em massa e deu acima de 50% dos trabalhadores, contando os assintomáticos, os que já tiveram e outros com consequências mais graves”, conta José Modelski Júnior, secretário-geral da Contac.

Ao todo, 22 estados do Brasil tiveram surtos de contaminação em matadouros, e a investigação deve apurar se as indústrias cumpriram com os Termos de Ajustamento de Conduta (TACs).